Decreto imigratório de Trump, nos Estados Unidos.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não está de brincadeira quando se trata de imigrantes e refugiados muçulmanos.

O decreto de imigração que proíbe a entrada de cidadães e refugiados de seis países, na maioria muçulmana, entrou em vigor ás 21h (Horário de Brasília) desta quinta-feira (29). Mas ainda o decreto é provisório.

O motivo da proibição segundo Trump é para evitar terrorismo. Haverá novos critérios para que a população destes países possam retirar seus passaportes. 

Observe como ficará a entrada de imigrantes muçulmanos no país: 


  • Viajantes: por 90 dias, só terão vistos concedidos se comprovarem ter “relação de boa-fé” com uma pessoa que vive nos EUA ou com uma instituição de ensino ou trabalho do país. Nos outros casos, serão barrados. Atuais portadores de visto e de green card (visto permanente), além de cidadãos com dupla nacionalidade, não serão afetados.
  • Refugiados: por 120 dias, não serão aceitos, com exceção daqueles que já tiveram o pedido de refúgio aprovado para viajar até 6 de julho.

Fonte: G1/Globo

Postagens mais visitadas deste blog

Novas Vozes: O Poder da Mídia

33° Congresso FIEP acontece em janeiro na cidade de Foz do Iguaçu

Vício em games a nova doença de acordo com a OMS